sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

FLORES PARA NADIRU

 Já o disse no post anterior....as saudades do Japão batem forte nesta altura, como as bátegas de chuva nas vidraças das minhas janelas. O Japão, tem o condão de se tornar viciante , como uma paixão que se cola a pele e que não conseguimos sacudir. É uma tatuagem que se traz gravada no coração em forma de flor de cerejeira.
O texto que trago hoje aqui, é da autoria da Nadiru-san, uma alma com quem partilho essa paixão, e a quem agradeço ter-me permitido publicá-lo.
É um texto belo e comovente, que fala de saudade.
E por favor, não digam que vão conhecer a minha amiga, se não tencionarem fazê-lo. É Natal....época de sinceridade.

.........OHANAMI お花見

Eu estava lavando louças e alguém bateu na porta
eu enxuguei as mãos... e as lágrimas,


Porque eu estivera chorando, faltavam poucos dias para nós retornarmos ao Brasil
os meus filhos estavam muito tristes, afinal, tinham sido 4 anos de negociação
com meu marido para irmos morar com ele no Japão, um país que adorávamos.


Mas a crise apertou e não tivemos outra opção senão a de voltarmos, depois de apenas 6 meses vivendo no Japão.


Era final de Janeiro e as cerejeiras que tanto amávamos não veríamos florir. Uma jovem japonesa, minha amiga (testemunha de Jeová), para quem
entre lágrimas, eu havia dito que, em 10 anos de Japão
já havia assistido a lindas floradas, mas meus filhos apenas as viram por fotos de álbuns, e também havia a promessa que eu tinha feito a eles


Um Ohanami...um delicioso piquenique debaixo das cerejeiras em flor
...mas esta promessa...eu não poderia cumprir...


e neste dia então, faltando apenas 3 dias para nós embarcarmos
E eu já com o apto quase vazio, silencioso, foi quando ela
bateu em minha porta, no rosto um sorriso triste e um pequeno embrulho de presente. Ao recebê-lo fiquei intrigada, era pequeno, e muito bonito, ao abri-lo que surpresa!!


Eram pequenas flores de cerejeiras artificiais com um delicado perfume, numa bonita caixinha e então minha amiga disse


- como você não estará mais aqui quando as cerejeiras
florirem, dou este presente para que sinta ao menos seu perfume...


Eu desabei, chorei, muito e sem parar, ela me consolou mas eu não conseguia nem falar uma emoção tomou conta de mim


só conseguia balbuciar, Muito Obrigada, Muito Obrigada...


Já fazem quase 2 anos, e toda vez que abro uma das portas de meu guarda-roupa um delicado perfume de cerejeiras invade minhas narinas,  e sinto uma doce lembrança de uma jovem Japonesa que me deu um dos presentes mais lindos da minha vida...
Muito Obrigada! Querida Miko


o perfume perdura até hoje...

NADIRU-SAN

36 comentários:

Chica disse...

Lindo e comovente.

Gestos assim ganham nossa amizade e carinhos eternos!

Já fui lá!

beijos,chica

Ana SS disse...

Lindo.
Puxa ainda mais os meus olhos.
:)

Flaviane Koti disse...

Pequenos milagres da vida.
Logo que cheguei ao Japão fui convidada por senhoras japonesas para um picnik sobre sakuras e realmente foi lindo, é como se fossemos transportadas para um lugar mágico, onde não existe mais nada, só flores de sakuras caindo sobre nós.
Tenho muitas saudades do Japão, mas é algo engraçado. Qdo estava lá me sentia brasileira e aqui me sinto mais japonesa do que nunca.
Bjs

Nilce disse...

Muito lindo querida.
Assim você aumenta mais o meu desejo de querer conhecer o Japão. Ah, tenho tantos lugares que só posso ir em sonho.
Nunca senti o cheiro das flores de cerejeira, mas com este post tive a impressão de o sentir.

Bjs no coração!

Nilce

Rogério Pereira disse...

...e por ser tão intensamente sugestivo
sinto aqui esse aroma
doce e vivo...

Beijo

(visitarei a Nadirun-san, como me sugere!)

Lívia Azzi disse...

Muitíssimo comovente e solidário relato. O direcionamento que fazemos pode fazer toda a diferença nos gestos e lembranças, é um pedacinho do Japão que estará sempre com ela e agora também aqui e em nossos corações.

Encantei-me, aqui e lá!

Um beijo!

nadiru-san disse...

Ah! Chica! o teu olhar e seu coração vê e mostra preciosidade em tudo...
Não tenho palavras que possam expressar minha gratidão...
fica aqui o meu Muito Obrigada de todo o meu coração...
Gostaria que soubesse que...
honra-me com este post. Obrigada

Cammy disse...

Oi Loli!!!!!!!!!!!!
Vim ver os seus ultimos posts!
Sempre uma blogueira de mao cheia!
Eu deixei um comentario no post das suas viagens!! Mas como aquele post ja nao eh o post atual, nao sei se vc ve o comentario...Mas eu gostaria de saber qual eh a cor do seu cabelo na ultima foto do post!! :) Amei aquela cor e penso em pintar do mesmo tom!!!
Um GRANDE BEIJO E UM OTIMO FDS!!!

soporagora disse...

Realmente emocionante relato.
Querida, tenha um lindo fim de semana!
Beijo na alma!

Mai disse...

Loli,
dizem alguns que - nas mãos que oferecem - fica o perfume das flores em ambas. Talvez então isto que etéreo e tão significativo, as mantenha unidas em pensamento eternamente, a cada vez que a memória (pelo cheiro) fizer relembrar... porque o perfume da sakura ficou nas mãos de uma e outra.

Me emocionei com seu testemunho.

bjos

Wanderley Elian Lima disse...

A gente às vezes deixa o coração para trás, quando tem que partir de algum lugar que muito amamos e onde fomos felizes. Coisas da vida.
Bjux

Carla Farinazzi disse...

Olha, minha querida, você me fez chorar, sabia? Você e sua amiga.
E uma pergunta que fez, como é que as cidades conseguem sobreviver sem nós???
Eu sinto muita saudade de São Paulo, minha terra natal...por quem sou apaixonada desde bebê.
Gostei também da imagem de uma tatuagem no coração, em forma de flor de cerejeira.

Beijão...

Carla

Glorinha L de Lion disse...

Que lindo, que delicadeza de texto!
Fiquei até emocionada...obrigada por nos apresentar sua amiga, Loli...especial como vc...
beijos querida,

M. disse...

Nunca fui ao Japão. Nem quero ir. (acho).

Mas gosto de alguma cultura oriental. E sobretudo do Japão (o menos oriental do oriente.).

Gosto da filosofia de vida. O valor da experiência. Não gosto como o põem em prática.

Sei que são generalizações...Se calhar tenho mesmo que ir lá...

MANUPINK disse...

OI QUERIDA AMIGA,OBRIGADA PELO CARINHO! NA MINHA APRESENTAÇÃO FOI TUDO BEM!!!! ADICIONAREI ALGUMAS FOTINHAS PARA VC VER, MAIS TARDE OK, BJS!

Astrid Annabelle disse...

Oi Loli querida!
Que linda história!
Fico imaginando a emoção que transbordou neste gesto tão bonito.
Como a Nilce disse, parece que percebi o aroma das cerejeiras em flor!
Lindo.
Irei conhecer sua amiga agora.
Beijo grande
Astrid Ananbelle

Fernanda disse...

Minha querida Loli!

Senti o doce aroma das flores e a intensidade dos sentimentos.
Conseguiste fazer-me sentir presente o que adorei.
És tu, assim e o teu Japão que sinto já ter sido meu.
Arigato.

Huge Hug.
Love

Betty Gaeta disse...

Oi Margarida,
que presente mais terno. Adorei o texto.
Bjkas e um ótimo final de semana.

http://gostodistonew.blogspot.com/

Thiago disse...

Oi Loli!

Muito lindo, muito lindo mesmo! Doe no coração estar longe do lugar que amamos, sei bem o que é isso e chego a invejar sua amiga, por ter um amor tão grande pelo seu lugar. Parabéns!
Obrigado pelo carinho no Expressão da alma!

Abraço,

Thiago

Maria Helena disse...

Querida, o perfume que exala dos momentos de amizade nos acompanha pelo resto da vida num cantinho especial do coração. São gestos assim que tornam o mundo um lugar encantado de amor e melhor de se viver.
Emocionou-me demais! Imaginei a cena! Foi lindo!
Bjs

Lua Nova disse...

Vou repetir o que todos já disseram, mas é inevitável. Um texto comovente,
onde a solidariedade daquele gesto carinhoso é a emoção mais gratificante.
Bom de ler e, como disse o Rogério, cheguei a sentir o aroma das cerejeiras em flor.
Já fui lá conhecer o blog de Nadiru e já o estou seguindo assim como ao seu.
Beijokas e um lindo domingo pra vc e os seus.
Seguindo...

Anne Lieri disse...

Que história especial!Me emocionei tb com essa carinhosa demonstração de amizade!Ficou maravilhoso seu texto!Bjs,

Ronda disse...

Oi Lolipop!
Tudo bem?
Essas histórias do Japão vão me dando cada vez mais vontade de conhecê-lo. Eu sou descendente mas ainda nunca fui lá.
Eu vim te agradecer a visita e sabe de uma coisa? Eu lembrei que eu já tinha visitado o seu blog mas não havia comentado.... Foi quando a Meri divulgou a customização do blog que ficou mesmo muito bacana.
A Tati e o Alexandre são pessoas que eu gosto bastante!! Nossos amigos!
Abraços!!

Lu disse...

Oi Linda,
muito emocionante o relato de sua Amiga,imagino o sofrimento dessa familia.
Mas mesmos nos momentos mais dificeis, Deus se fez presente no gesto tão carinhoso desse presente tão delicado e carinhoso da Miko.
Beijos Lu

diariodumapsi disse...

Emocionante essa mensagem! Linda!
Nunca fui ao Japão, nem nunca tive vontade de ir...até te conhecer! A você, ao Alexandre e agora a sua amiga Nadiru-San(sim, eu fui lá!), parece que o Japão exerce uma magia sobre quem o visita. Ando muito curiosa em conhecer o Japão!
Vim te convidar para participar da minha primeira blogagem coletiva:Como é que se diz "Eu te amo"!
Será um enorme prazer tê-la conosco.
Gd beijo

so sad disse...

que lindo, é tão bom ter alguem que se importa com agente!
beijo!

Zélia Gadelha disse...

Adorei o texto! Tenho conhecido um pouco do Japão através do blog Lost in Japan do Alexandre Mauj é um país encantador. Sua história, organização, sua cultura e tradição é um sonho poder conhecer. Amei esse cantinho. Não sei se já conheces. Mas se interessar vai lá! http://lostinjapan.portalnippon.com
Bjusss e ótimo fds!

Paulo Becare Henrique disse...

Lindo relato e lindo gesto. Às vezes penso que um pouco mais de empatia entre os seres humanos resolveria, se não todos, ao menos grande parte dos problemas do mundo.

P.S.: Adorei seu comentário (aquele que começa falando sobre ter uma certa fobia de seguir os caminhos da multidão). Me vi descrito ali. Eis outro exemplo de empatia. Bom saber que tenho companhia nessa caminhada longe das trilhas do rebanho.

Lililooks disse...

Que lindo eu me emociono com o post estou louca pra voltar pro meu país, e a conta do telefone é cada vez mais cara oconsolo é ouvir a voz dos meus famíliares parece que quanto mais falo com eles mais próxima estou e a ilusäo invade minha vida, o retorno ainda ñ tenho a data certa mais sei que cada dia eu falo pro meu marido I Love Tomorrow, nunca gostei tanto do amanhä quando agora mesmo, säo muitos anos longe e chega um momento que a terra mäe chama filho de volta a casa...
Um lindo presente, como eu tenho aqui teu postal com tuas lindas palavras, diante dos meus olhos todos os dias e pouco a pouco vou tomando o chá que tanto amo e já com medo que se acabe, os demais saborearei no dia 28 dia do meu aniversário, j´ça que ninguém nunca se recorda de mim neste dia tenho teus deliciosos manjares para deliciar me com meus filhos neste dia, estou passando por momentos muito delicados ando triste, mais confio em um Deus maior e sei que vou superar-los.
Quero ir a Portugal a O Porto ver meus queridos amigos Portugueses e tbm quero ir conhece-la, Um bjo grande e um ótimo final de semana.

Bah disse...

Nossa, essa não teve nem tempo de curtir realmente... eu sinto falta... acho que não tem um dia sequer que não me lembro do Japão e a falta que sinto de certas coisas que aqui são bem complicadas. As pessoas, os comportamentos, enfim, tudo... saudades eu tenho, do que eu tive e do que eu aproveitei...

Kisu!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

que lindo... a Nadiru é uma querida, uma pessoa de sentimentos excelentes.

Foi tão bonito vc compartilhar esse bonito texto, Margarida. Eu não li no blog dela, não recebi o update do blogger... e te agradeço por não ter perdido essa beleza toda.

vou lá cumprimentar essa moça maravilhosa.

(adorei o termo "música pimba" rs, mas... o tal tecnobrega não é uma música que a gente sente orgulho de divulgar não rs.)

bjs

Beth/Lilás disse...

Querida Lolipop!
Por isso que eu sempre gostei de dar ou receber presentes assim, com pouco valor material, mas muito espiritual, muito mais de coração.
Fico imaginando aqui a sensação doce, carinhosa, a toda vez que esta pessoa abre o armário e vê e sente este aroma do presente dado com tanto amor.
Uma amiga antiga sempre me dá presentes assim, sabe que gosto, o último foi um pé de jaboticabas e está lá em meu terreno plantada, quando começar a dar frutos serão mais ainda lembranças lindas que terei sempre dela.
adorei seu post!
beijinhos cariocas

Denise disse...

Olá minha querida flor,

Fiquei emocionada diante deste texto, quanta sensibilidade e carinho, muito belo mesmo.

Todos os dias vem algum momento marcante enquanto estivemos neste lugar inesquecível e lendo este post me deu um aperto de saudades.

Obrigada por compartilhar conosco!
Bjinhos, ótima semana.

Ângela disse...

Margarida querida, viajo com vc. pelo Japão, e fico feliz em conhecer seus amigos e... tudo me emociona. Ja fui lá conhece-lá.
Uma enorme beijoka e muitas borboletas
com muito carinho.
Ângela

Yu kisaragi disse...

Nossa que lindo :3
A cada vez que vejo esse blog fico com mais vontade de conhecer o japão *--*
Ah, o visual do blog também está lindo adorei ^^

Sônia Cristina disse...

Esse post me arrepiou a alma..
gestos que fortalecem a amizade, um dos mais fiéis do amor, porque nunca morre...

Blogs Amigos e Recomendados

 
Copyright © 2010/2011 Banzai.
Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger