sábado, 17 de outubro de 2009

A thousand origami cranes
















Sadako Sasaki tinha apenas dois anos quando a bomba nuclear caiu em Hiroshima a 6 de Agosto de 1945. Dez anos depois, foi-lhe diagnosticada leucemia em consequência da exposição às radiações. Durante o tempo que passou no hospital, recebia visitas da sua melhor amiga, que, um dia, cortou um pedaço de papel num quadrado e se pôs a dobrá-lo transformando-o num grou em origami, recordando a Sadako a lenda japonesa que diz que aquele que dobre 1000 origami grous, verá o seu desejo concedido por uma dessas aves, no Japão consideradas criaturas sagradas e com uma vida de 1000 anos. Diz-se que Sadako, não teria conseguido chegar ao fim do seu objectivo, dobrando apenas 644 grous, e que os seus amigos terão completado os 1000, enterrando-os com ela. Está visto que os deuses, alados ou não, são demasiadas vezes surdos aos desejos dos pobres mortais. A história de Sadako é contada no livro "Sadako and The Thousand Paper Cranes".
Os "thousand paper cranes" são oferecidos no Japão em casamentos ou nascimentos como desejos de boa sorte e prosperidade, ou pendurados em casa com o mesmo fim.
Com a história de Sadako tornaram-se também um símbolo do desejo de Paz, razão porque se encontram imensos no Peace Memorial Park em Hiroshima. Confesso que quando tirei as fotos que agora aqui publico, durante uma curta visita a Hiroshima, há uns anos atrás, não sabia o seu significado.

0 comentários:

Blogs Amigos e Recomendados

 
Copyright © 2010/2011 Banzai.
Template customizado por Meri Pellens. Tecnologia do Blogger